Retratos de Gana

Retratos de Gana é o resultado da residência artística desenvolvida em Julho/2013 por Mirela Fiorese, na comunidade de Abetenim, em Gana, concedida pela NKA Foundation.

Abetenim é um vilarejo de cerca de 500 habitantes, situada na região central Ashanti de Gana. Uma vila de agricultores, em que 2/3 da população são crianças, e a linguagem utilizada é um dialeto local chamado Twi. Foram 25 dias morando na comunidade, lecionando aulas de arte diariamente na escola local, e conhecendo um pouco da sua realidade.

Retratos de Gana teve a curadoria de Oscar D’Ambrosio. Oscar D’Ambrosio é doutor em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e mestre em Artes Visuais pela Unesp. Integra a Associação Internacional de Críticos de Artes (Seção Brasil). Sobre a mostra, em suas palavras:

“Um dos grandes desafios da fotografia realizada em lugares exóticos, como a presente série de imagens, obtidas numa residência artística realizada em julho de 2013, em uma vila rural na região Ashanti de Gana, com o apoio da NKA Foundation, é que o resultado seja apenas antropológico – e não estético, ou seja, que as figuras reproduzam a atmosfera vivenciada, mas não captem uma percepção de mundo.

Mirela Fiorese não cai nessa armadilha. A maioria de suas representações se caracteriza justamente por conseguir transmitir impressões plásticas da comunidade visitada. Nesse aspecto, ganham destaque as imagens de pessoas sentadas cercadas pela terra e por um ambiente em que o ocre predomina, numa atmosfera que evoca, por exemplo, as pinturas de Almeida Junior sobre o universo caipira paulista.

É claro que as realidades retratadas são distintas, mas o que está em jogo é muito menos o que se vê e muito mais o como isso é mostrado. Nesse aspecto, existe um visual que valoriza a humanidade do ambiente, os olhares, e o relacionamento com o universo circundante. Mirela consegue fazer um retrato de Gana por meio da sua contemplação.

Há toda uma ambiência que ganha espaço pelos recortes feitos, pelas estampas das roupas das mulheres e pelos olhares dos fotografados.
É como se um cantinho do país africano entrasse nos observadores das imagens. Somos transportados a um mundo misterioso, no início aparentemente distante, mas do qual pouco a pouco nos vamos aproximando por meio de um olhar sereno e delicado.”

– Oscar D’Ambrosio

Comentar no Facebook:

Post your thoughts

Adquira uma obra de arte original.

| Pintura | Fotografia | Projetos Especiais |